France · 47 Days · 20 Moments · August 2015

Giovana Geluda

Giovana's trip to France


5 October 2015

Entramos em uma das tendas depois de quase duas horas no sol e na muvuca. Ficamos no biergarten (algo assim), que é a parte ao ar livre das tendas, porque chegamos tarde e nao deu pra entrar na tenda mesmo. Ficamos na mesa ao lado de um grupo de alemães simpáticos e um português. Cerveja pra lá, pretzel pra cá, e uma Radler (cerveja com limonada) pra aliviar, e a tarde foi uma delicia. Experimentamos umas comidinhas típicas, wurst, schwein e kartoffel à vontade, e depois ainda deu tempo de dar uma voltinha rápida por Munich. Ah, esqueci de comentar que no fim das 9hs da ida de ônibus paramos em um quiosque tipo o alemão da estrada, mas alemão de verdade 😜. Mais 10 horinhas básicas de bus pra voltar pra casa e o domingo foi de bastante preguiçinha. Dei uma arrumada na casinha e dormi bastante. #prost!

2 October 2015

O o fds foi de OKTOBERFEST! A sexta no campus acordou assim, a cara da ressaca (assim como yo) pq rolou festa geral na quinta. Cada departamento ia vestido de uma cor. Foi divertido mas não durei mt tempo (#wasted). Sexta de noite partimos para a festa da cerveja em um bus bem do apertadinho durante 9hs até Munique. Minhas companhias pelo menos eram agradabilíssimas e tivemos uma viagem divertida. Chegando lá paramos em um posto que tinha tipo uma casa do alemão.. Só que de vdd! La em Munique nos dividimos em grupos e fomos de metrô para a festa. Me surpreendi com a qtdd de gente vestida com aquelas roupas típicas e o parque de diversões que tem meio às tendas de cerveja. Foi bem perrengue pra entrar em alguma, porque chegamos meio tarde lá (11:30), então ficamos 1:30h na fila de uma tenda sob o sol e na muvuca tentando entender e respeitar aqueles gritos super gentis dos seguranças alemães. (Next post por falta de espaço)

29 September 2015

De segunda á quarta vivemos dias de altos papos e muita inspiração. Eu e Carol aproveitamos a Bienal de Arte Contemporânea de Lyon para visitar o MAC e o Musée des Confluences, uma construção modernérrima na ponta da Presquîle, olhando pro encontro dos Rios Rhône e Saône. Vimos algumas exposições estranhas, mas outras super legais, como essa tabela periódica de minerais em forma de pedras. Terça de noite fomos socializar no K-fet da faculdade e na quarta andamos bastante pelo centro de Lyon. Cada vez que eu saio pra turistar por aqui me apaixono mais. Fomos em um salão de chá (chama mesmo salon de thé) e comemos a melhor cheesecake da vida com um café do Vietnam, se não me engano. Visitamos algumas lojas e galerias f%#*s, mas a mais incrivel foi a Datta, perto da Ópera de Lyon. Vale a pena pra quem curte lojas com coisas aleatórias no estilo Urban Outfiters..but better. No fim da noite ainda tivemos pique pra fazer uma lasanha de berinjela que ficou supimpa! E na quinta ela partiu 😢

28 September 2015

Domingo foi o dia da chegada da minha mente brilhante favorita e hóspede #2. Antes de buscá-la na Gare teve um churras no quarto do Luiz, um brazuca bom de cavaquinho pra caramba. O zelador cortou a festa mas fomos todos pra praça continuar a farra com um forró e muito vinho. Ficamos em casa de noite com um pouco mais de vinho e macarrão à la stantania. (Mentira, era pasta fresca). Na segunda tive aula pela manhã e depois fui encontrar a Carol pra turistar em Vieux Lyon. Comemos no mesmo restaurante que tinha ido com a Marina, e foi uma delícia! Depois Furvière, Anfiteatro Romano e tunnel da croix russe de bicicleta. Voltei pra minha primeira aula de Alemão e a Carol continuou turistando pela cidade. A turma tava bem cheia, a prof. era uma alemã fofinha e simpática (longe do esteriótipo) mas séria no métier (assim é bom). Foi dificil pra caramba, mas curti! Wie geht's?

26 September 2015

O sábado começou com cheirinho de OMO rosa espalhado pelo quarto. Roupa sequinha e cheirosinha, sem preço! Comecei o dia tentando comprar uma bike second hand numa feira de bicicletas usadas, mas não achei nenhum bom negócio.. No entanto o resto do dia foi excepcionalmente gostoso. Passei a tarde com as espanholas e o Mark. Feira de produtos locais na beira do Rhône, andanças mil pelo centro da cidade e um bolo de cenoura bem gostoso num café bem francês no topo de uma ruela bucólica de pedras com cheiro de muita história. Voltamos pra casa de bicicleta e de noite só consegui dar um jeitinho na casa pra esperar minha segunda hóspede e capotei.

24 September 2015

Quinta feira foi niver da minha vizinha querida e animadíssima. Ela disse que não queria festa mas um bolinho não podia faltar. Celebramos mais um verão da Ana com esse bolo lindo diretamente do Carrefour em estilo petit comité. De noite recebi as fofíssimas Maria, Martha e Valeska pra um macarrão especialmente bom e deliciosamente improvisado com muito amor, carinho, alho e cebola. Anotei a receita ;) de sobremesa elas trouxeram crepe de nutella 😛. Na sexta o almoço foi piquenique no parque mais lindo que eu já vi e 5 minutos andando aqui de casa. Energia maravilhosa e altos papos com Paulinha, uma querida! De noite rolou um queijos e vinhos dos internacionais que foi bem mixadinho.. Morreu cedo e o que me restou foi voltar pra casa e lavar roupa 1:30 da manhã com a vizinha. Inusitado..

21 September 2015

Finalmente com aulas (embora ainda poucas) comecei a descobrir tudo o que o INSA tem a oferecer. São trocentas associações e eventos acontecendo o tempo todo. Os cartazes ficam espalhados por toda a parte. Dá vontade de fazer tudo, muito legal! A cuisine da gigi ta bombando, e o quarto tb. Meu cantinho virou point de jantares animadissimos. Na segunda vieram Virginia, Josefin, Ann, Leonie e Maria. Achei que não fosse caber, mas deu! Na terça fui ultra bem recebida na sinagoga liberal de Lyon. O primeiro Yom Kipur fora de casa foi especial. Conheci Milena, uma brasileira em Lyon, e Poline, uma francesa fofinha com raízes judaicas querendo se reconectar. A quarta foi dia de jejum, não tão difícil como sempre, e o fim do Yom Kipur foi lindo. Uma família simpática me abrigou sob o Talit na hora do Shofar, fiquei super emocionada. Na saída teve pão doce e água na sinagoga pra galera e fui recebida com um delicioso raclete na casa da Josefin. Fofa! Só senti falta do pão de ló da mamãe...

20 September 2015

Aqui, além do trote, eles têm mania de fazer viagens de integração na faculdade. Então fui eu lá pro WEI (weekend integration) do meu departamento num acampamento bem do bonitinho em Aveyron, uma cidadezinha no sul da França. Foram 5 horas de viaem de bus com dinamicas típicas dessas viagens incluindo se apresentar dizendo seu último vômito e o último peguete. A vibe foi essa.. Gincana de grupo com twister nojentinho, pique cola com um polvo (verdade😩), corrida de shot e de noite não podia faltar uma festa. No outro dia caiaque num rio lindo, volei, piscina e vibe muito boa, conhecendo várias pessoas legais. Johana e Antony, dois Guianos com português impecável e vários franceses muito gente fina. A volta foi cansativa mas valeu a pena. Pra fechar com chave de ouro me aparece esse mimoso catavento soprando os ares do futuro na minha cara. Vive la France!

17 September 2015

Só pra deixar registrada a visita da minha querida primeira hóspede, segue uma fotinho no bairro ultramodernérrimo da Confluence. #tumemanquesdéjà no fim da semana teve terceira visita à IKEA.. Agora pelo menos a casinha ta beeem equipada. Instalei também um mapa lindão de la France na parede do quarto pra admirar, me inspirar e planejar beaucoup de voayges! A cozinha também tem estado mais colorida e agitada. Check out esse pratito apetitoso! Sexta de noite a minha ex-turma da escola de verão foi comer pizza aqui pertinho. A pizza tava ok, mas o encontro foi super legal. Depois viemos pra praça aqui em frente ao meu prédio mas eu fui logo pra casa arrumar as coisas porque o fds é viagem de integração de GI (Génie Industrielle - vulgo engenharia de produção). #excitée 😜😜😜

15 September 2015

A semana seguinte foi tranquila. A galera dos outros anos começaram as aulas, então a programação ficou menos intensa. Eu continuei de "férias" e foi bom pra dar um jeitinho na casinha. Me aventurei na primeira unha caseira (como sobreviverão minhas 20 pequenas??). Na terça de noite teve jantar caseiro com Josefin, Anne e Maria. Josefin trouxe uma salada com abacate e feta (combinação incrível) e eu fiz meu prato de app, diretamente do the photo cookbook (recomendo fortemente para iniciantes). Teve bastante voltinha no shopping da Part-Dieu pra procurar casacos pra esse fim de verão que já caminha abaixo dos 18 graus diariamente. Teve também momento papelaria, Carrefour nosso de cada dia pra abastecer a geladeira e aquisição de dois novos xodós #newgadget #newbalance. Pas mal..
Com um leve 'delay' do momento de chegada, bastante conturbado, angostiante e construtivo, começo meu diário de viagem compartilhado com vocês, pessoas queridas da minha vida. Vou tentar colocar aqui as coisas que me encantam por onde eu for passando nessa grande aventura que eu tô vivendo, pra ver se consigo estar um tantinho mais presente por aí, mesmo que longe. Profitez!!

13 September 2015

Meu primeiro Rosh Hashaná (ano novo judaico)fora de casa merece um post. Fui eu procurar uma sinagoga na segunda-feira de manhã. Chegando lá fui barrada na porta. Entendo que o momento político na França seja tenso, mas fiquei chateada de não poder contar com uma comunidade religiosa para me sentir em casa e poder rezar na entrada de 5776. Bom, acho que foi estratégia da galera lá de cima, porque chegando na porta de outra sinagoga, fui super bem acolhida por uma mulher (Katie) e sua filha (Arielle). Não só me levaram para a sinagoga delas como me chamaram para jantar na casa deles. Foi incrível! Os rituais Sfaradim, difefrente dos que estou habituada, tornaram minha entrada de ano muito mais doce, alegre e interessante. Discutimos sobre cultura, religião, política e comemos delícias judaicas e francesas. Pra terminar, apesar das saudades da chalá da mamãe,ainda improvisei aqui na facul a maçã com mel que não poderia faltar. Foi sucesso!Shaná Tová para todos,muitas descobertas e amor!

12 September 2015

O fim de semana começou com minha primeira hóspede, Marina!! Na noite de sexta fui buscá-la na estação e não tivemos forças pra sair. Sábado de manhã pegamos as bikes e saímos pra turistar por Lyon. Parque da tête d'or, beira dos rios, praças importantes e vieux lyon. Chovia canivete, mas nem isso diminuiu nosso encantamento com a cidade que me surpreende a cada instante. Visitamos a famosa catedral da Fourvière e fechamos o passeio com um almoço completo num tradicional Bouchon. De noite fomos pra casa de um menino da minha sala fazer a festa prometida na sexta. De repente chegaram lá pra lá de 30 pessoas, e a noite foi bem animada. Domingo, leve ressaca e metade do dia gasto com sono, ainda conseguimos ver a praça Bellecour e o bairro da Confluence, oposto de Vieux Lyon, cheio de prédios moderníssimos e museus, onde pudemos ver uma das exposições da Bienal de Arte Contemporanea. Interessante, bom pros olhos e pra alma. 👀❤️

10 September 2015

A terceira semana começou com uma matança da aula da manhã. O ônibus mais barato pra Lyon era segunda de madrugada.. Fazer o quê? Já de noite fomos para um pub onde rolou cerveja a €1 e um bier pong super sério. Com uma equipe teoricamente qualificadíssima (Axel e Anne, dois alemães), quase ganhei. Quase.. Durante a semana foi tempo de me aventurar na cozinha. Ainda tô longe de ser uma Bela Gil, mas até que meu tempeiro deu pro gasto. Sexta foi um dia delicioso! Depois da prova de francês minha turma foi pro Les Halles, mercado do Paul Bocuse (chef mais ⭐️⭐️ do mundo, residente em Lyon). Que loucura! Do salmão ao macarron, o eleito da galera foi a tarte pralinés, especialidade Lyonnaise. De lá partimos para o pique-nique no parque no anfiteatro romano, com muito queijo, pão e vinhos selecionados pela querida prof. Sophie. Minha turma é demais! Vou sentir saudades da École d'été...O que me consola é ter saído do picnic com festinha marcada e grupo do whatsapp: "les piquettes" #googleit

5 September 2015

Entre os calanques de Cassis e as maravilhas da cidade de Marseille, nós quatro, enfim reunited falamos de tudo. Esse quarteto saia justa tava me fazendo falta, e há mais de um ano longe da Marina não poderíamos ter matado a saudade em maior estilo. A trilha nos calanques não rolou por causa de risco de incêndio. Tampouco pudemos comer frutos do mar à beira mar porque (nao sei por que diabos) os restaurantes - em uma cidade altamente turística - fecham antes das 15 da tarde. Tudo bem, nada disso atrapalhou a montanha russa de assuntos initerruptos que iam da novela das 8 ao significado de espiritualidade em poucos segundos. No domingo, perdemos uma navegante. Lu fez falta nos papos e risadas, mas não deixamos de explorar Marseille como queríamos. Entre um museu maravilhoso-Mucem- com arquitetura de cair o queixo, bairro dos artistas, trote universitário e a basílica mais linda que eu já vi na vida (reparem nos barquinhos) percorremos básicos 19,5km a pé (salve o contador de passos).

4 September 2015

A semana 3 começou com o desafio da comida. Pra quem tava comendo no bandeijão direto até que não começei tão mal. Pena que era tudo congelado.. Teve queijos e vinhos na terça aqui no quarto pra entrar no french climat, e na quarta foi dia de filme na escola. Pra quem ainda não viu, "Le Prénom" ou "Qual o nome do Bebê" é uma deliciosa comedia francesa que trata de varias questoes de psicologia familiar. #valeapena. Na sexta, o trabalho de aula foi sair pela cidade e descobrir uma região. Meu grupo ficou com a beira dos rios e o tunnel da Croix-Russe, que de noite é uma atração à parte com um espetáculo de luzes que eu ajnda vou mostrar aqui. Foi muito delicioso e divertido. Eu, Marc (alemão) e Candela (espanhola) fizemos um great team job, entrevistamos franceses simpáticos e profitamos de um agradabilíssimo passeio de vélov (o sistema de bike tipo itaú daqui). De lá parti pra Marseille! Hora de encontrar 3 amigas muito queridas... 👯👯

29 August 2015

Fds 2 teve passeio pra Annecy, tambêm conhecida como a Veneza dos Alpes. Banhada por um lago e um rio lindos, a cidade com ar medieval é cheia de feirinhas de arte local e antiguidades, sorveterias e restaurantes á beira d'água. Passamos um dia incrível lá, cercados por natureza, história e boas conversas, e na volta ainda teve festa no K-fet, nome trocadilhado de cafeteria+festa (fête, em francês). Foi suuuper divertido, e o melhor, 200 metros de casa. Ah! Por fim mas não menos importante, amei a presença via Skype na boatparty da Nati e da Deh!! Merci bcp Lelê Duek! ❤️ essa galerinha

27 August 2015

Semana dois foi mais animada. Teve festa de comidas típicas pros internacionais. Fizemos pão de queijo no meu forninho de segunda mão adquirido por míseros 18 euros. #bonmarché! Teve sangria dos espanhóis e festa na praça em frente ao meu prédio. No dia seguinte torneio de volley de areia. Perdemos todos os jogos mas foi divertido. Quinta feira foi dia de festa Erasmus, no Loft, uma boate que tem aqui. O povo ficou alucinado, e o que bombou foi música latina! Voltamos 5 da manhã, quando o tram volta a funcionar. No dia seguinte, Musée de Beaux Arts com a turma de ressaca. Vale mais pra quem curte arte clássica, mas o guia fez tudo ficar mais interessante, principalmente esse Monet aí que de perto e de longe são quadros completamente diferentes. Depois de matar a aula da tarde por falta de forças físicas fui dar uma volta com Josefin (sueca), Maria (espanhola), Bia e Camila (brasileiras) e Francisco (português) num parque aqui do lado - Feyssine. Olha esse pôr do sol!!!!! 👏🏼☀️

22 August 2015

Primeiro fds foi bem divertido. Fomos pra night de bicicleta num pub na Place des Terraux, super famosa aqui. Boston pub. Não foi incrível mas foi legal. No sábado fomos turistar eu, Bia, Roberta e Eloy, um espanhol gente boníssima. Andamos por vieux lyon, comemos num tradicional Bouchon de Lyon ( rolha de lyon, como costumam chamar os restaurantes típicos da cidade ). Menu completo por volta de 20 euros, imperdível! Mais tarde andamos pela costa do Rhône e do Saône, os dois rios que enfeitam e hidratam a linda Lyon, cercados de espaços públicos bem cuidados, spots de lazer e obras de arte 😱. Tem como não ficar encantada? Domingo foi dia de passeio organizado pela École d'été, summer school ou escola de verão (kkk). Fomos para um parque de diversões a uma hora de Lyon chamado Walibi. Super fofo, um Cabum e uma montanha russa justos e o clima não podia ter sido mais agradável. A galera da école d'été começou a interagir bastante, foi super proveitoso!

19 August 2015

Um pequeno resumo da semana 1: primeiros dias foram difíceis. Não tinha nada no quarto, coração apertadinho de saudade e meio assustada com tanta mudança. O que ajudou muito foram os longos telefonemas com várias pessoas queridas e ocupr a cabeça com um monte de coisa que precisava comprar e arrumar. Melhor aquisição: carrinho laranja fosforescente pra dar uma alegrada na rotina. Enlouqueci na IKEA. Coisas de casa suuuper fofas e bem bon marché. Mercado também foi uma atração a parte. Algo me diz que vai ser dificil manter a dieta....